Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Agusta-Westland EH-101 Merlin (primeira parte)

Imagem 1: EH-101 Merlin da Força Aérea Portuguesa


AGUSTA-WESTLAND EH-101 MERLIN
                       AGUSTA-WESTLAND AW-101 MERLIN (renomeação)

Quantidade: 12
Versões: Mk514: 6 (SAR);
                      Mk515: 2 (SIFICAP);
                  Mk516: 4 (CSAR)
Utilizador: Força Aérea
Entrada ao serviço: 2004
Data de abate: Em serviço


Dados técnicos:
a.       Tipo de Aeronave
Helicóptero tri-motor turbina terrestre, de trem de aterragem triciclo semi-retráctil,  de rodas duplas em cada unidade, revestimento metálico, equipado com flutuadores de emergência, concebido para missões de transporte táctico (Transporte aéreo, Busca e salvamento e Vigilância e reconhecimento).
Tripulação: 3 a 5 (Piloto Comandante, Co-Piloto, Operador de Sistemas, Recuperador-Salvador e Enfermeiro). Se necessário, pode transportar uma equipa de emergência médica.
b.       Construtor
Agusta-Westland International Limited (AWIL) - Finmeccanica Company / Itália / Grã-Bretanha.
Sob licença: PZL-Świdnik / Polónia.
c.       Motopropulsor
Motores: 3 motores Rolls-Royce Turbomeca TM-RTM 322-02 MK 250 Turboshafts, de 1.725 quilowatts cada e um total de 5.100 hp.
Rotor principal: De cinco pás. Rotor de cauda: De quatro pás.
d.       Dimensões
Diâmetro do rotor principal...........18,60 m
Envergadura ……………………...18,60 m
Comprimento…..............................19,30 m
Altura (inclui rotor de cauda)……...6,61 m
Área do círculo rotórico................271,51 m²
e.       Pesos
Peso vazio…………………….............10.500 Kg
Peso máximo take-off.........................15.600 Kg
Peso máximo de carga………........…4.535 Kg
Peso máximo de carga suspensa….4.535 Kg
f.        Performances
Velocidade máxima …….....................277 Km/h
Velocidade de cruzeiro........................240 Km/h
Tecto máximo …… …….............….4.572 m
Tecto de serviço …………...........…3.048 m
Raio de acção......................................740 Km
Alcance máximo carregado……..….833 Km
Alcance máximo / leve ………..….1.300 Km
Autonomia máxima…….............….8H30
g.       Armamento
Sem armamento.
h.       Combustível
4.160 Litros.
i.        Capacidade de transporte
30 passageiros em bancos; ou 35 militares equipados; ou 2 barcos internos para 20 pessoas; ou 16 macas; ou 
4.535 Kg de carga.




Resumo histórico:

     A Agusta é uma empresa italiana de montagem de helicópteros. Tem sede em Varese, possui uma unidade de produção em Cascina Costa e é uma subsidiária da Finmeccanica, uma empresa fundada em 1948, sendo o maior grupo industrial italiano e o maior grupo industrial de alta tecnologia do mundo, com sede em Roma.
Imagem 2

     A Westland Helicopters era uma empresa britânica de fabricação de helicópteros. Originalmente Westland Aircraft, a companhia passou a concentrar-se em aeronaves de asas rotativas após a Segunda Guerra Mundial, sendo objecto de uma fusão com várias outras empresas locais em 1961.
     Em 1977, o Ministério da Defesa do Reino Unido expediu uma requisição para a compra de um novo helicóptero anti-submarino de guerra (ASW) para substituir o Westland Sea Kings da Royal Navy. A Westland respondeu com um projecto designado por WG.34, que foi aprovado para desenvolvimento.
     Enquanto isto, a Marinha Militar Italiana também estava procurando por um substituto para o seus Sea Kings fabricados pela Agusta, o que levou a Agusta a uma série de discussões com a Westland sobre a possibilidade de um desenvolvimento conjunto. Isto culminou na finalização de uma joint venture em Novembro de 1979 e na formação de uma nova empresa - a EH Industries - para gerir o projecto a partir de 1980. EH é a abreviatura para «Elicottero Helicopter», incorporando as palavras italiana e inglesa para "helicóptero."

Imagem 3


     Em 2001 a Westland juntou-se à Agusta para formar a actual Agusta-Westland, formada em Julho de 2000, quando a italiana Finmeccanica e a britânica GKN plc concordaram em juntar as suas respectivas subsidiárias de montagem de helicópteros, tendo cada uma delas uma participação de 50%.
     Em 26 de Maio de 2004 a GKN confirmou que venderia sua parte da Agusta- Westland à Finmeccanica por 1.06 biliões de libras. A Agusta-Westland abriu escritórios em Filadélfia, Estados Unidos, em 2005, e venceu um contrato para construir o novo helicóptero presidencial Marine One contra a empresa americana Sikorsky, mas este programa foi cancelado em 2009.

     Um evento significativo na história da Companhia ocorreu no início de 2010 com a aquisição da maioria do fabricante de helicópteros polaco PZL-Świdnik, que reúne um dos maiores fabricantes de helicópteros originais da Europa. Com a aquisição da PZL-Świdnik, a AgustaWestland expandiu a sua presença na Europa Central, reforçou a sua pegada industrial global e ampliou sua gama de produtos.
     A EH Industries foi completamente incorporada quando da criação da Agusta-Westland que, por sua vez é, actualmente, completamente subsidiária da italiana Finmeccanica.
     O nome EH-101 surge por mero acaso. De facto, inicialmente chamava-se EHI01 como referência ao facto de ser o primeiro projecto da empresa EH Industries. Numa comunicação interna uma secretária trocou o I por um 1 e o nome acabou por ser um êxito.

Imagem 4


     Concebido como um substituto para o Sea King, o EH-101 (chamado Merlin em serviço da Royal Navy), é uma joint venture entre a Westland (Reino Unido), que desenvolveu o projeto WG34 original em que o EH-101 é baseado, e a Agusta (Itália).
     O primeiro protótipo voou em 1987 e as primeiras encomendas foram de 66 unidades para o Reino Unido e 36 para a Itália (posteriormente reduzida para 16). Desde então desenvolveram-se várias versões, sendo as principais a versão naval e a versão para utilização pelo exército.
A versão naval tem sub-versões específicas, de onde se destaca a versão AEW (Airborne Early Warning), que foi encomendada pela Itália (4 unidades) para operação a partir do seu porta-aviões.

     O EH-101 é um dos mais modernos helicópteros presentemente em operação no mundo, e está equipado com sistemas de identificação de radar inimigo, até blindagem e protecção em Kevlar para áreas mais sensíveis ou trem de aterragem retráctil.

Imagem 5: Foto de Pedro Aragão


Em Julho de 2007 a Agusta-Westland renomeou o EH-101 como AW-101.

     Até 2013 foram concretizadas 146 encomendas de EH-101 por diversos clientes em todo o mundo, incluindo a Força Aérea Portuguesa, a Royal Air Force, Royal Navy, a Marinha Italiana, as Forças Canadenses, Tokyo Metropolitan Police, Real Força Aérea Dinamarquesa e Maritime Self Defense Force Japonesa.

(continua)



Fontes (primeira parte):
Imagens 1 e 5: Cortesia de Wikipedia, a enciclopédia livre;
Imagem 2: Colecção ALTIMAGEM;
Imagens 3 e 4: Cortesia de EMFA - Estado Maior da Força Aérea.

Texto:
- Cortesia de  EMFA, Estado Maior da Força Aérea Portuguesa;
- Cortesia de Agusta Westland - A Finmeccanica Company;
- Cortesia de Wikipedia, a enciclopédia livre;
- Cortesia de Helis.com - Helicopter history site;
- Cortesia de Walkarounds-ccadf.blogspot.pt/.